A terça-feira (18/5) teve uma notícia bastante inusitada divulgada pelo AS, da Espanha. Xavi, ex-jogador do Barcelona e técnico do Al Sadd, foi procurado pela CBF para integrar a comissão técnica de Tite para a Copa 2022. Depois do Mundial, ele assumiria o posto como técnico principal, com a saída de Tite. Xavi agradeceu a oferta, mas rejeitou.

Xavi renovou o seu contrato com o Al Sadd recentemente até 30 de junho de 2023. No contrato, há uma cláusula de liberação por um valor simbólico caso o Barcelona o procure. O próprio Xavi já deixou claro que pretende, um dia, ser o técnico do clube que o formou e onde se consagrou como jogador.

Leia a matéria completa no Trivela, parceiro do Metrópoles.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

www.metropoles.com

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.