Da Redação

Um simples gesto do craque Cristiano Ronaldo em uma coletiva de imprensa gerou um prejuízo de até US$4 bilhões à Coca Cola. Em conversa com os jornalistas ontem, antes do jogo entre Portugal e Hungria pela Eurocopa, o atleta lusitano retirou duas garrafas do refrigerante da mesa, encorajando as pessoas a beberem água.

O jogador seguiu segurando uma garrafa de água antes de gritar em português: “Água!” A Coca-Cola, uma das patrocinadoras oficiais da Eurocopa, não quis comentar o episódio.

Confira:



www.todabahia.com.br

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *