Primeiro título do Bahia na Copa do Nordeste completa 20 anos

Clique aqui e se inscreva no Canal ecbahiapontocom no Youtube!
-->

Às vésperas de mais uma decisão de Copa do Nordeste, o Bahia completa 20 anos de sua primeira conquista regional nesta quarta-feira, 28 de abril. Na mesma data, em 2021, o Esquadrão derrotava o Sport, por 3 a 1, com show de Nonato e Preto para levantar o troféu do Nordestão.

Na época, o Bahia tinha no banco de reservas o lendário mestre Evaristo de Macedo como técnico. Não à toa, a equipe tricolor brilhou ao longo do torneio e ganhou 13 de 17 jogos no total.

A partida decisiva foi disputada na velha Fonte Nova, já que o Bahia havia conquistado a melhor campanha fase de grupos. Diferentemente do formato atual, em 2001 a decisão acontecia em jogo único.

Na Fonte, um total de 65.924 torcedores presenciaram o triunfo por 3 a 1 sobre o Sport e a taça conquistada pelo Esquadrão de Aço.

Preto Casagrande, em uma tarde inspirada, marcou um golaço inesquecível de fora da área e contribuiu com uma assistência.

Nonato, vice-artilheiro da competição, com 10 gols, balançou as redes duas vezes, sendo decisivo para a conquista da taça.

O ataque tricolor, além de Nonato, contava com o também goleador Robson, o “Robgol”. O centroavante colaborou com seis gols ao longo do Nordestão 2001.

A escalação do Bahia na final foi a seguinte: Émerson; Japinha, Jean Elias, Carlinhos e Jefferson; Bebeto Campos, Preto Casagrande, Alex Oliveira e Luís Carlos Capixaba (Mantena); Robgol (Washington) e Nonato (Fábio Costa).

A campanha tricolor no Nordestão 2001

Na época, o Nordestão era disputava em sistema de turno único na primeira fase, com todas as equipes se enfrentando. Ao todo, cada time jogava 15 rodadas.

O Bahia conquistou primeira colocação da fase classificatória, com 35 pontos em 15 jogos. Foram 11 triunfos, dois empates e duas derrotas.

Na semifinal, também disputada em jogo único, o Bahia venceu o Fortaleza por 2 a 1, antes de desbancar o Sport na decisão.

  • 17 jogos
  • 13 triunfos
  • 2 empates
  • 2 derrotas
  • 38 gols marcados / 18 gols sofridos

Além de 2001, o Bahia conquistou a Copa do Nordeste em 2002 e em 2017. Em 2021, o Esquadrão tem novamente a chance do tetracampeonato.



www.ecbahia.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *