Herói do título, Deyverson explica queda após tapa de árbitro na final

Autor do gol que decretou o título da Libertadores ao Palmeiras, o atacante Deyverson explicou o lance inusitado da grande final em que caiu após levar um tapa do árbitro Nestor Pitana. Participando do programa Mais Você desta segunda-feira (29/11), o jogador explicou o que ocorreu em um dos momentos mais comentados da grande final.

Faltando pouco para o apito final, o árbitro acabou dando um tapinha nas costas do camisa 9, que desabou imediatamente após o contato. Durante a entrevista, o jogador explicou o ocorrido.

“Foi para ganhar um pouco de tempo, para respirar, para meus companheiros darem uma respirada. Falei: ‘Vou dar uma de Deyverson, dar uma caidinha’. Achei que era um jogador deles, não sabia que era o árbitro. Ele deu um soco, pediu desculpa e ganhei uns minutinhos para respirar”, explicou.

Ele ainda lembrou uma situação semelhante pela qual passou quando atuava pelo Getafe, em 2020. Na ocasião, quando o time espanhol enfrentou o Ajax pela Liga Europa, o atacante foi atingido por um isqueiro após marcar um gol contra a equipe holandesa.

A apresentadora Ana Maria Braga questionou se o objeto arremessado era pesado e de imediato, Deyverson respondeu.

“Nada, era só pra dar uma respirada, se não…”

O atacante foi o herói da conquista ao marcar o gol na prorrogação, decretando a vitória por 2 x 1 diante do Flamengo na decisão da Libertadores.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *