Dez fisiculturistas que morreram cedo e abalaram a indústria fitness

O falecimento recente do jamaicano Shawn Rhoden – campeão do Mr. Olympia de 2018 –, aos 46 anos de idade, acionou uma alerta sobre casos de fisiculturistas que morreram cedo. Assim como diversos outros esportes de alta performance, a musculação em seu mais alto nível costuma levar os atletas constantemente ao limite físico e mental. No entanto, como eles carregam os resultados de anos de trabalho em seus próprios corpos, as diferenças entre um bodybuilder e uma pessoa comum, geralmente, saltam aos olhos.

A busca intensa por um físico cada vez mais musculoso e definido também pode levar os atletas ao abuso de substâncias químicas perigosas. Associe esse fator à utilização de drogas recreativas e outros problemas de saúde – muitas vezes sem ligação ao esporte – e terá um combo extremamente nocivo e fatal. Para alertar as pessoas que pretendem ingressar na alta performance fitness, separamos 10 casos de fisiculturistas que morram cedo e chocaram seus fãs.

Leia a matéria completa no SportLife, parceiro do Metrópoles.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *