bolaseriea
Bola oficial da Série A 2021 (Fonte: Divulgação / CBF)

A WarnerMedia começou a pagar as cotas dos direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro aos sete clubes da Série A que possuem contrato com a Turner o ano de 2021. Entre eles, o Bahia.

Na primeira etapa de pagamentos, os clubes repartem uma quantia de R$ 91 milhões paga pela empresa norte-americana.

Segundo o colunista Gabriel Vanquer, do UOL, Bahia e os demais seis clubes recebem R$ 13 milhões.

Além do Bahia, também estão fechados com a Turner: Palmeiras, Santos, Athletico Paranaense, Ceará, Juventude e Fortaleza.

O valor seria de R$ 14 milhões para seis times, mas todos os clubes entraram em acordo para que R$ 1 milhão de cada um fosse repassado ao Fortaleza, para que o clube cearense não fosse prejudicado por ter assinado um contrato diferente na época.

Já o restante que será pago pela WarnerMedia chega aos R$ 182 milhões. Este montante deverá ser dividido entre os clubes de acordo com audiências das transmissões e a posição final no Brasileirão.

O time que terminar na posição mais alta e obtiver as maiores audiências, receberá mais dinheiro da programadora.

Em 2021, o sistema de transmissão dos jogos da Turner segue igual. Somente jogos envolvendo dois dos oito clubes que possuem contrato com a empresa.

Na primeira rodada, por exemplo, Bahia x Santos será transmitido no canal TNT Sports e no pay-per-view Premiere.

Com esse contrato, o canal SporTV não possui direito de transmitir jogos do Bahia na Série A.

Contrato renegociado no ano passado

Em 2020, o acordo feito pelos clubes com a Turner chegou próximo de ser desfeito. No entanto, houve uma renegociação e uma cláusula de saída foi incluída.

A cláusula permite que a programadora norte-americana deixe de exibir a Série A em 2022 sem pagar multa. Enquanto os clubes ficariam livres para fecharem com outras emissoras.



www.ecbahia.com

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.