Abel Ferreira se iguala a Telê Santana e Alonso Peres

Depois de 11 meses, Abel Ferreira conquista a “Glória Eterna” novamente. Em duelo contra o Flamengo, o português enfim conseguiu vencer o Rubro-Negro carioca, para quem já havia perdido três partidas e empatado uma vez.

0

O técnico português não entra apenas para história do Palmeiras com mais um título. Com a conquista, o treinador português se iguala a Telê Santana e Alonso Peres, os únicos treinadores brasileiros com dois títulos da principal competição do continente.

Assim como no jogo contra o Atlético-MG, pelas semifinais da Libertadores, a equipe alviverde reconheceu a qualidade técnica do adversário e montou a estratégia de jogo baseada em defesa bem postada e saída rápida nos contra-ataques.

Após ter vencido a Copa Libertadores e a Copa do Brasil em apenas três meses como técnico, Abel teve seu trabalho questionado por conta de maus resultados na primeira metade da atual temporada.

A equipe amargou sequências de vice-campeonatos: vice para o Flamengo na Super Copa, para o Defensa y Justicia na Recopa Sul-Americana, para o São Paulo no Campeonato Paulista, além da eliminação precoce para o CRB na Copa do Brasil.

O futebol intenso desde a vinda de Abel Ferreira dava lugar a um futebol sem muito repertório, gerando muitas críticas por parte da torcida e da imprensa que cobre o dia a dia do alviverde.

Momento-chave

Foi a partir das quartas de final da Libertadores, porém, que o os comandados de Abel calaram os críticos ao eliminar o São Paulo com um imponente 3 x 0 no duelo de ida, no Allianz Parque.

Na fase seguinte, contra o Galo, o time do Palmeiras surpreendeu ao se classificar com um empate com gols no Mineirão. Mais uma vez, Abel Ferreira chegaria à final, em busca da “Glória Eterna”.

Depois dessa conquista, é possível que os críticos de Abel continuem a reclamar do seu estilo de jogo e do seu modo incisivo ao se posicionar, mas o fato objetivo é que o português é um vencedor, entrando em definitivo para história da Academia Alviverde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *