Mesmo com uma das melhor campanhas da competição, o Taubaté se despediu neste sábado da Copa Paulista. Jogando no Joaquinzão, o Burro da Central bateu o Votuporanguense por 1 a 0, mas deixa o torneio nas quartas de final da competição.

Com uma equipe formada quase inteira por jovens das categorias de base, o Alviazul fez duas grandes fases, e, ao longo de todo o campeonato, só foi superado três vezes.

Neste sábado, mesmo com gol do atacante Eduardo ainda o primeiro tempo, a participação taubateana foi encerrada no mata-mata. Agora, o Taubaté e o técnico Marcelo Martelotte, de contrato renovado para o ano que vem, começam a pensar na Série A2 do Campeonato Paulista e na briga pelo acesso.

O JOGO.

Disposto a buscar o resultado, o Taubaté foi para cima desde o início, levando perigo ao time visitante. E conseguiu abrir o placar logo aos 15 minutos, em boa jogada de Jean e finalização na trave de Jeffinho, com a bola sobrando para o centroavante Eduardo marcar seu nono gol na Copa Paulista.

As chances seguiam, mas o Votuporanguense, muito bem postado na defesa, permitia poucos chutes. As melhoers oportunidades alviazuis eram, por exemplo, em chutes de fora da área de Erik e Elivelton, por exemplo.

Do outro lado, nas poucas chances que teve, o adversário parou no goleiro Rafael Roballo, mais uma vez com boas defesas. Na única bola que passou pelo camisa 1, o ataque visitante estava impedido.

Na reta final do confronto, o Burro da Central ainda teve boas oportunidades com Dill e Gabriel Davy. No fim, no entanto, apesar da vitória, o Alviazul deixa a competição e começa a focar no sonho do acesso no ano que vem.

TAUBATÉ
Rafael Roballo, Henrique, Cesinha e Donato; Jean, Moradei (Hugo), Elivelton, Guarú (Gabriel Davy) e Erik; Jeffinho e Eduardo (Dill).
T: Marcelo Martelotte

(Foto: Bruno Castilho / EC Taubaté)